Laura vai perdoar Vinícius

Depois de ter sofrido abusos sexuais provocados por seu padastro, o delegado Vinícius, Laura ainda irá perdoá-lo – mas só depois que ele morrer mesmo.

+ Lorena apóia filha e depõe contra Vinícius no tribunal!

+ Beth esconde segredo de Clara e é desmascarada por Patrick

Depois que ele for preso pela prática dos abusos, será assassinado na prisão e aí, com a ajuda da Mercedes, a Laura irá conversar com seu abusador.

A vidente estrelada com maestria pela maravilhosa Fernanda Montenegro irá aconselhar Laura a perdoar Vinícius. Ela ainda dirá para a menina que é preciso perdoar Vinícius para que ela mesma possa renascer.

Depois disso, Laura ainda passará por uma sessão de hipnose com a Adriana, filha da Duda, que é advogada e ainda trabalha como coach.

Nessa sessão, ela conduzirá Laura em um estado hipnótico de profundo relaxamento, onde, através do seu treinamento, conseguirá fazer com que a moça encontre a imagem do padrasto e abusador.

Nesse momento, que promete ser muito emocionante, Laura irá segurar a mão dele e dirá que o perdoa, fazendo com que o papel social da novela ainda se cumpra, já que ao levantar o caso do abuso na trama, levanta a importante discussão sobre estupro, assédio sexual e abusos dentro dos lares.

A Globo sempre tenta inserir temas como esse em suas novelas de horário nobre. Quando discutiu-se, por exemplo, os casos das crianças realmente desaparecidas, a emissora ingressou de fato em um mundo em que o alcance que sua publicidade possui atinge quem realmente precisa.

Assim, é importante ficar ligado, já que esses casos que parecem ser só coisa de novela são reais, estão ao nosso redor e é mais do que nosso dever denunciar, acolher a vítima e ainda garantir que ela receba cuidados, orientação e atenção.

É também essencial que a gente nunca tente, simplesmente, acobertar ou justificar abusos, seja lá da ordem que eles forem. Existem canais seguros de denúncia e orientação para vários tipos de violência e é muito importante que a gente sempre se encoraje para ajudar realmente quem precisa.

Assim, além do 190 que é o telefone da Polícia Militar, temos também:

  • 180 – canal de denuncias de casos de violência contra a mulher;
  • 100 – canal de denúncia de casos de violência contra idosos e crianças, da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República.

Em qualquer situação de abuso, denuncie!

Não vamos permitir que a vida imite a arte nesse caso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *